Menu fechado

Tag: concurso Polícia Federal

Ferramentas e aplicativos comerciais de navegação, de correio eletrônico, de grupos de discussão, de busca, de pesquisa e de redes sociais

Ferramentas e aplicativos comerciais de navegação, de correio eletrônico, de grupos de discussão, de busca, de pesquisa e de redes sociais.

Antes de analisarmos as ferramentas e aplicativos devemos entender que a internet é uma rede de computadores interligados mundialmente em que há uma constante troca de informações entre pessoas, empresas e entidades. Esta comunicação é feita através de navegadores, correio eletrônico, grupos de discussão, de busca, de pesquisa e de redes sociais.

Concurso Polícia federal altera a data da prova para 16 de setembro

Ontem dia 06 de agosto de 2018 a CESPE divulgou uma retificação que alterou a data da prova pra 16 de setembro de 2018 (anteriormente era para o dia 19/08/2018).

Foi também reaberto a inscrição para alguns cargos em condições especiais.

Veja aqui a retificação

Verifique aqui a página do concurso para ver todas as outras informações sobre o concurso, pois teve outras retificações: CESPE

No momento estou atualizando conteúdos para este concurso todos os dias neste link: Conteúdo programático concurso Polícia Federal 2018

Para você que prefere estudar por apostilas neste link tem apostilas para todos os cargos: APOSTILA PARA TODOS OS CARGO DO CONCURSO DA POLÍCIA FEDERAL 2018

Inquérito policial: Características e fundamento

Inquérito policial: Características e fundamento

Principais características que revestem o procedimento que constitui o inquérito policial.

1 PROCEDIMENTO ESCRITO

Não se conhecerá a existência de um inquérito em suas finalidades, se esta vier a ser realizada por instrumento verbal. Diante de tal informação, necessário se faz que as peças do inquérito policial em um processo, serão reduzidas a escrito e rubricadas pela autoridade policial, conforme Código de Processo Penal.

Inquérito policial: Conceito

Inquérito policial: Conceito

Inquérito policial é o procedimento administrativo inquisitório e preparatório presidido pela autoridade policial, consistente em um conjunto de diligências que objetivam a identificação das fontes de provas e colheita de elementos de informação quanto à autoria e materialidade do delito, a fim de possibilitar que o titular da ação penal (membro do Ministério Público ou ofendido – nas ações penais privadas –) possa ingressar em juízo.