Menu fechado

Categoria: Administração

Administração de Materiais e Patrimônio

Administração de Materiais e Patrimônio

 

O que é administração de materiais e patrimônio?

A administração de materiais tem como função principal controlar os materiais utilizados em sua produção e o patrimônio da empresa. Ela otimiza o uso dos recursos materiais da empresa.

Controlar o fluxo de materiais é saber adquirir os materiais de forma correta, na quantidade certa e no prazo certo e com isso, aumentar a lucratividade da empresa.

O setor produtivo está pautado em três pilares: Material (insumos e matéria-prima), capital (dinheiro para a produção) e trabalho (mão de obra).

Se estes pilares são utilizados de maneira correta, gerará um resultado melhor que ajudará a empresa a se posicionar melhor no mercado e consequentemente crescer.

 

Recursos materiais:

 

Definição: Recursos Materiais são os materiais usados pela empresa em seu processo diário para produzir até o seu produto final. Matéria prima + material em processamento (material utilizado durante o processo produtivo). Ela integra o sistema logístico da empresa.

Sequência de operação: Identificação do fornecedor, compra do bem, recebimento, transporte interno e acondicionamento, transporte durante o processo produtivo, armazenagem como produto acabado e distribuição ao consumidor final.

 

Recursos patrimoniais:

 

Definição: Recursos Patrimoniais são bens da empresa como os prédios, equipamentos, instalações, e veículos

Sequência de operações: Identificação do fornecedor, compra e recebimento do bem, conservação, manutenção e alienação.

 

Objetivo dos recursos materiais e patrimoniais:

Fundamentos e evolução das principais teorias administrativas – Parte 2

1947 – Teoria Estruturalista: Focada na estrutura e no ambiente

 

A teoria estruturalista contempla uma abordagem múltipla, envolvendo tanto a organização formal como a organização informal. A abordagem Estruturalista focaliza o “homem organizacional”, diferente das características preconizadas por Weber, na Burocracia, este perfil reflete uma personalidade cooperativa e coletivista, além de flexibilidade, tolerância e capacidade de adiar recompensas, como forma de ser bem-sucedido em qualquer organização.

Fundamentos e evolução das principais teorias administrativas

Fundamentos e evolução das principais teorias administrativas

 

Podemos dizer que o pensamento administrativo começou somente a partir da Revolução Industrial que começou no século XVIII, mas até o início do século XX não se aprofundava muito esse assunto. Conforme a sociedade ia se modernizando e os Estados Unidos começando a se destacar como uma potência industrial, as Teorias da Administração começaram a surgir e tomar relevância entre os empresários.