Menu fechado

Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados – Parte 3

PREPARE-SE!! APOSTILA POLICIAL RODOVIÁRIO FEDERAL - PRF 2019

APOSTILA E CURSO ONLINE DE OFICIAL ADMINISTRATIVO SEE-SP 2019

APOSTILAS para todos os cargos concurso SED MS 2018

APOSTILAS PARA DETRAN-PA 2019

  1. COMPARAR – é descobrir as relações de semelhança ou de diferenças entre as situações do texto.
  1. COMENTAR – é relacionar o conteúdo apresentado com uma realidade, opinando a respeito.
  1. RESUMIR – é concentrar as idéias centrais e/ou secundárias em um só parágrafo.
  1. PARAFRASEAR – é reescrever o texto com outras palavras.

EXEMPLO

 TÍTULO DO TEXTO  PARÁFRASES
  “O HOMEM UNIDO ”  A INTEGRAÇÃO DO MUNDO
A INTEGRAÇÃO DA HUMANIDADE
A UNIÃO DO HOMEM
HOMEM + HOMEM = MUNDO
A MACACADA SE UNIU (SÁTIRA)

 

CONDIÇÕES BÁSICAS PARA INTERPRETAR

Fazem-se necessários:

a) Conhecimento Histórico – literário (escolas e gêneros literários, estrutura do texto), leitura e prática;

b) Conhecimento gramatical, estilístico (qualidades do texto) e semântico;

OBSERVAÇÃO – na semântica  (significado das palavras) incluem-se: homônimos e parônimos, denotação e conotação, sinonímia e antonímia, polissemia, figuras de linguagem, entre outros.

c) Capacidade de observação e de síntese e

d) Capacidade de raciocínio.

Compreensão x interpretação

Compreensão de texto – consiste em analisar o que realmente está escrito, ou seja, coletar dados do texto. Os comandos de compreensão (está no texto) são:

Segundo o texto…

O autor/narrador do texto diz que…

O texto informa que…

No texto…

Tendo em vista o texto…

De acordo com o texto…

O autor sugere ainda…

O autor afirma que…

Na opinião do autor do texto…

Interpretação de texto – consiste em saber o que se infere (conclui) do que está escrito. Os comandos de interpretação (está fora, além, do texto) são:

Depreende-se/Infere-se/Conclui-se do texto que…

O texto permite deduzir que…

É possível subentender-se a partir do texto que…

Qual a intenção do autor quando afirma que…

O texto possibilita o entendimento de que…

Com o apoio do texto, infere-se que…

O texto encaminha o leitor para…

Pretende o texto mostrar que o leitor…

O texto possibilita deduzir-se que…

Entenda: enquanto a compreensão de texto trabalha com as frases e ideias escritas no texto, ou seja, aspectos visíveis, a interpretação de textos trabalha com a subjetividade, com o seu entendimento do texto.

Fonte: Rafa castro

ERROS DE INTERPRETAÇÃO

É muito comum, mais do que se imagina, a ocorrência de erros de interpretação. Os mais freqüentes são:

PREPARE-SE!! APOSTILA POLICIAL RODOVIÁRIO FEDERAL - PRF 2019

APOSTILAS PARA DETRAN-PA 2019

APOSTILAS PARA TODOS OS CARGOS IDAM 2019

APOSTILAS PARA TODOS OS CARGOS ALEGO 2018

a) Extrapolação (viagem)

Ocorre quando se sai do contexto, acrescentado idéias que não estão no texto, quer por conhecimento prévio do tema quer pela imaginação.

b) Redução

É o oposto da extrapolação. Dá-se atenção apenas a um aspecto, esquecendo que um texto é um conjunto de idéias, o que pode ser insuficiente para o total do entendimento do tema desenvolvido.

c) Contradição

Não raro, o texto apresenta  idéias contrárias às do candidato, fazendo-o tirar conclusões equivocadas  e, conseqüentemente, errando a questão.

OBSERVAÇÃO –  Muitos pensam que há a ótica do escritor e a ótica do leitor. Pode ser que existam, mas numa prova de  concurso qualquer, o que deve ser levado em consideração é o que o AUTOR DIZ e nada mais.

 COESÃO  – é o emprego de mecanismo de sintaxe que relacionam palavras, orações, frases e/ou parágrafos entre si. Em outras palavras, a coesão dá-se quando, através de um pronome relativo, uma conjunção  (NEXOS), ou  um pronome oblíquo átono, há uma relação correta entre o que se vai dizer e o que já foi dito.

OBSERVAÇÃO – São muitos os erros de coesão no dia-a-dia e, entre eles, está o mau uso do pronome relativo e do pronome oblíquo átono. Este depende da regência do verbo; aquele do seu antecedente. Não se pode esquecer também de que os pronomes relativos têm, cada um, valor semântico, por isso a necessidade de adequação ao antecedente.

Os pronomes relativos são muito importantes na interpretação de texto, pois seu uso incorreto traz erros de coesão. Assim sedo, deve-se levar em consideração que existe um pronome relativo adequado a cada circunstância, a saber:

QUE (NEUTRO) – RELACIONA-SE COM QUALQUER ANTECEDENTE. MAS DEPENDE DAS CONDIÇÕES DA FRASE.

QUAL (NEUTRO) IDEM AO ANTERIOR.

QUEM (PESSOA)

CUJO (POSSE) – ANTES DELE, APARECE O POSSUIDOR E DEPOIS, O OBJETO POSSUÍDO.

COMO (MODO)

ONDE (LUGAR)

QUANDO (TEMPO)

QUANTO (MONTANTE)

EXEMPLO:

Falou tudo QUANTO queria (correto)

Falou tudo QUE queria (errado – antes do QUE, deveria aparecer o demonstrativo O ).

VÍCIOS DE LINGUAGEM – há os vícios de linguagem clássicos (BARBARISMO, SOLECISMO,CACOFONIA…); no dia-a-dia, porém , existem expressões que são mal empregadas, e, por força desse hábito cometem-se erros graves como:

–  “ Ele correu risco de vida “, quando a verdade o risco era de morte.

–  “ Senhor professor, eu lhe vi ontem “. Neste caso, o pronome correto oblíquo átono correto é O .

– “ No bar: “ME VÊ um café”. Além do erro de posição do pronome, há o mau uso Como interpretar textos

 

 

escentar.

 

PREPARE-SE!! APOSTILA POLICIAL RODOVIÁRIO FEDERAL - PRF 2019

APOSTILAS para todos os cargos concurso SED MS 2018

APOSTILAS PARA TODOS OS CARGOS IDAM 2019

APOSTILAS PARA TODOS OS CARGOS ALEGO 2018

APOSTILAS PARA DETRAN-PA 2019

CONFIRA AQUI AS MELHORES APOSTILAS DO MERCADO!!

5 Comentários

  1. Luciano

    Obrigado pela disponibilidade e inclusão deste rico material para todos!
    Só uma ressalva, meu amigo, à partir item “VÍCIOS DE LINGUAGEM”, a página está com o mesmo conteúdo escrito anteriormente. Espero ter ajudado.
    Abraço!

    • Eder s. carlos

      Oi Luciano muito obrigado pelo comentário. Realmente o texto repetiu. Já consertei e aproveitei para dar uma melhorada na postagem. São pessoas como você que fazem o site ficar cada vez melhor.
      Valeu mesmo
      Eder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *