Menu fechado

Métodos padronizados de arquivamento

APOSTILAS PARA O CONCURSO SEAP-MG 2018

APOSTILAS PARA TODOS OS CARGOS ALBA 2018

APOSTILAS para todos os cargos concurso SED MS 2018

MÉTODOS DE ARQUIVAMENTO

Com base na análise cuidadosa das atividades da instituição, aliada à observação de como os documentos é solicitados ao arquivo, é possível definir-se o método principal a ser adotado e quais os seus métodos auxiliares.

Os métodos de arquivamento tem duas classes:  Métodos básicos e métodos padronizados

Métodos Básicos: Alfabético, geográfico, numérico e ideográficos

Métodos padronizados: Variadex, automático, Soundex, Mnemônico e Rôneo.

Nesta postagem abordarei apenas os métodos padronizados, mas caso você esteja estudando o tema para concursos, veja também esta postagem, arquivamento e ordenação de documentos de arquivo.

Métodos padronizados de arquivamento: Variadex, automático, Soundex, Mnemônico e Rôneo.

 

MÉTODOS PADRONIZADOS:

VARIADEX:  Nesse método trabalha-se com uma chave constituída de cinco cores, onde cada cor representa a segunda letra do nome de entrada e não a primeira. Dessa forma, em cada letra do alfabeto poderão existir pastas nas cinco cores da chave.

Ex.: letra O, P, Q – cor azul – no caso de um arquivamento do tipo Souza Neto, a cor será azul devido a segunda letra de entrada. É considerada uma variação do sistema alfabético. As cores não são fixas podendo variar por pais.

AUTOMÁTICO: Nesse método os papéis são arquivados com guias e pastas que já indicam as divisões das letras do alfabeto. Usado para arquivar nomes, evitando acumular pastas de sobrenomes iguais. Combina letras, números e cores. Não é utilizado no Brasil

SOUNDEX: Foi inventado o sistema soundex, segundo o qual as unidades de arquivamento são ordenadas por código, ao invés de o serem pela sequência estritamente alfabética. Método baseado no som das palavras, em função da pronúncia e da letra inicial, método criado pela língua inglesa. Busca de sons próximos e semelhantes. Não utilizado no Brasil

MNEMÔNICO: Usa-se para codificar os assuntos através da combinação de letras em lugar de números. As letras são consideradas símbolos, pelo fato de este método pretender auxiliar a memória do arquivista, a fim de possibilitar, de forma mais ágil, a recuperação da informação. É considerado um método obsoleto

RÔNEO: Conhecido como método híbrido, é um método obsoleto. O seu mecanismo consiste na combinação do método alfanumérico com o numérico ordinário. Combina letras, números e cores.

Veja também esta postagem, arquivamento e ordenação de documentos de arquivo.

APOSTILAS para todos os cargos concurso SED MS 2018

APOSTILAS PARA TODOS OS CARGOS ALBA 2018

APOSTILAS PARA TODOS OS CARGOS ALEGO 2018

CONFIRA AQUI AS MELHORES APOSTILAS DO MERCADO!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *