Menu fechado

Questão 45 comentada de História IFES-2017

IFES-2017 História Questão 45 Comentada

Matéria: História
Edital: As transformações sociais, políticas e econômicas do Brasil nos séculos XX e XXI
Conteúdo: O Regime liberal populista (1945-1964) e O governo de Jânio quadros (1961)
45. Observe a imagem abaixo.

A manchete do jornal Folha de S. Paulo, datada de 26/08/1961, trata da renúncia do presidente Jânio Quadros, poucos meses depois de sua posse. Sua renúncia originou uma grave crise política no país. Sobre os desdobramentos dessa crise política, assinale a alternativa correta.

a) A crise foi resolvida com a recondução de Jânio Quadros ao poder.

b) O Congresso decidiu pelo retorno do presidencialismo no país para solucionar a crise.

c) O Congresso decidiu pela permanência do presidencialismo no país, sem limitação ao poder do presidente da República.

d) O Congresso decidiu pela implantação do parlamentarismo no país para solucionar a crise.

e) A crise só foi resolvida com a concessão de plenos poderes ao vice-presidente.

CONTEÚDO TEÓRICO:

Jânio Quadros teve uma carreira meteórica indo de vereador de São Paulo (1947) a presidente da República (1961) sem jamais se comprometer com um partido.

Adotava como símbolo uma vassoura, que com ela varria a corrupção da cidade.

Na presidência decepcionou colocando figuras inexpressivas. Para mascarar sua falta de projeto ele concentrava-se em assuntos menores como a proibição de brigas de galo.

Com isso a crise econômica se complicava com a dívida externa começando a sair do controle e inflação subindo e a economia já não crescia como na época de Juscelino.

Sua politica de combate à inflação gerou recessão.

Com o fracasso da política interna e concentrou na política externa tentando se aproximar dos grupos nacionalistas ou de esquerda. Mandou seu vice João Goulart restabelecer relações diplomáticas com a União Soviética e condenando a política norte-americana.

Subitamente renunciou em 25 de agosto de 1961 e partiu para o exterior.

Os militares não queriam que João Goulart tomasse posse, alegando que seria um caso de Segurança nacional, pois Jango era comprometido com interesses comunistas.

Eles sugeriram que Ranieri Mazzilli tomasse posse  até se realizar nova eleição, mas uma parte dos militares (legalistas) e o Congresso Nacional rejeitou este pedido.

Com isso originou-se uma grave crise no país.

Para resolver a crise o Congresso no dia 2 de setembro de 1961 decidiu fazer uma emenda constitucional implantando o parlamentarismo, com isso, Jango poderia assumir a presidência, mas o governo de fato ficaria na mão de um primeiro-ministro.

Fonte: História Geral e do Brasil, Cláudio Vicentino e Gianpaolo Dorigo Editora Scipione.

Resposta:questão 45: letra d

VOLTAR PARA A QUESTÃO 44

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *