Menu fechado

Tag: controle

Funções Administrativas: planejamento, organização, direção e controle – Questões comentadas Parte 2

Questão 5: Provas: Quadrix – 2017 – CFO-DF – Técnico em Secretariado

Uma das funções básicas do administrador é o planejamento. Nessa função, o administrador deverá definir os objetivos para alcançar a finalidade da organização, bem como estruturar um plano de ação, isto é, uma estratégia, para atingir seus objetivos.

Errado

Certo

Funções administrativas: Planejamento

Funções administrativas: Planejamento

A administração é uma atividade executada por pessoas que possibilita alcançar o objetivo de uma organização previamente definido, de forma eficaz e com maior eficiência.

Caso preferir, no vídeo abaixo tem esta postagem em áudio e vídeo

Funções Administrativas:(PODC): Planejamento, Organização, Direção e Controle.

Para conhecer as funções de um administrador de empresas, entenda o que cada função administrativa significa. Neste artigo abordarei só Planejamento.

 

PLANEJAMENTO

Funções Administrativas: planejamento, organização, direção e controle

Funções Administrativas

Planejamento, Organização, Direção e Controle

(PODC): Planejamento, Organização, Direção e Controle. 

Novo!: Mapa Mental – Funções Administrativas: planejamento, organização, direção e controle

Para você fixar melhor este conteúdo, fiz uma postagem bem legal com questões comentadas que vale a pena conferir.

Caso preferir, no vídeo abaixo tem esta postagem em áudio e vídeo

Controle e responsabilização da administração – Parte 3

3.3. Coisa julgada administrativa

Quando inexiste, no âmbito administrativo, possibilidade de reforma da decisão oferecida pela Administração Pública, está-se diante da coisa julgada administrativa. Esta não tem o alcance da coisa julgada judicial, porque o ato jurisdicional da Administração Pública é tão-só um ato administrativo decisório, destituído do poder de dizer do direito em caráter definitivo. Tal prerrogativa, no Brasil, é só do Judiciário.

A imodificabilidade da decisão da Administração Pública só encontra consistência na esfera administrativa. Perante o Judiciário, qualquer decisão administrativa pode ser modificada, salvo se também essa via estiver prescrita.

Portanto, a expressão “coisa julgada”, no Direito Administrativo, não tem o mesmo sentido que no Direito Judiciário. Ela significa apenas que a decisão se tornou irretratável pela própria Administração.